Advogado iniciante: saiba como montar um escritório

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Se formar em direito é um sonho para muitas pessoas. Após a tão sonhada formatura, uma das opções de um advogado iniciante é abrir um escritório. Entretanto, essa não é uma tarefa fácil ou que pode ser realizada sem planejamento. Afinal de contas, é preciso garantir que o tempo e dinheiro empregado não serão gastos sem razão. 

Por isso, se você é advogado iniciante e deseja abrir um escritório de advocacia, leia o texto para ver alguns passos essenciais para que isso se concretize da melhor forma possível. 

Boa leitura! 

Faça um plano de negócios 

Sabemos que é comum estar muito ansioso para começar a atuar quando se é um advogado iniciante. No entanto, para que o escritório tenha sucesso, é fundamental que você faça um plano de negócios. 

O plano de negócios se trata de um documento onde são detalhados os diferenciais do negócio, as características do mercado, o estudo dos concorrentes, quais serviços vão ser oferecidos, entre outros detalhes. Descrever todas essas informações é muito relevante para verificar a viabilidade da ideia, saber o que estão sendo feito por outros escritórios da região. Além disso, com o documento será possível delimitar, com base no seu interesse e nas necessidades locais, a sua área de atuação no campo do direito. 

Busque um local adequado  

Depois de verificar que existe espaço no mercado, definir a sua área de atuação e, consequentemente, o seu público-alvo, chegou o momento de escolher uma localização para o escritório. Essa é uma decisão muito importante e que impacta diretamente no sucesso dele. Abrir um escritório em um local onde os possíveis clientes não tem facilidade de chegar, por exemplo, não é uma estratégia interessante. 

Além disso, é válido destacar que é natural que, como advogado iniciante, você tenha pouco dinheiro para investir na locação do imóvel. É essencial que o valor do aluguel seja compatível com essa realidade para evitar problemas no futuro. 

Procure a ajuda de um contador 

Também vai ser necessário formalizar a abertura do escritório para emitir notas fiscais, fazer o pagamento dos impostos, conseguir descontos como pessoa jurídica em alguns estabelecimentos, entre outros benefícios. Como advogado iniciante, é preciso pensar se vale, ou não, a pena fazer parcerias com outros advogados ou se é melhor abrir uma sociedade advocatícia sozinho. Essas e outras decisões, como o regime tributário para o seu caso, devem ser discutidas com um contador especializado. O profissional irá auxiliar todos os procedimentos para a abertura do escritório e evitará que erros neste momento comprometam o seu sucesso do empreendimento no futuro. 

Como advogado iniciante, também é imprescindível fazer um bom marketing para divulgar os seus serviços e demonstrar a sua credibilidade ao mercado desde o início. Nesse caso, é importante destacar que o marketing jurídico precisa respeitar as regras do Código de Ética e Disciplina da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). 

Esperamos que este conteúdo ajude você, advogado iniciante, a abrir o seu escritório. 

Caso precise de ajuda, pode contar conosco!

Será um grande prazer poder auxiliar na realização dos seus sonhos!

Summary
Advogado iniciante: Como montar um escritório?
Article Name
Advogado iniciante: Como montar um escritório?
Description
Se formar em direito é um sonho para muitas pessoas. Após a tão sonhada formatura, uma das opções de um advogado iniciante é abrir um escritório. Entretanto, essa não é uma tarefa fácil ou que pode ser realizada sem planejamento. Afinal de contas, é preciso garantir que o tempo e dinheiro empregado não serão gastos sem razão. 
Author
Publisher Name
Integral Prime
Publisher Logo
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *